Daydream

Fotografia: Sabine Weiss

Em som, em luz

um bar

a música

lembranças

passíveis

possíveis

de um abraço

acabado.

Outro wiskhy

barato

num prato

amargo

de um doce

salgado

inútil.

Vem às luzes brilhantes

constantes

soastes

até…

não sei.

Estrada

escura

tão clara

das regras

da rua

vazia

calada

por ter.

Caminha

para ver

a lua

intensa

serena

abaixo

dos pés

molhados.

Te seguem

caminham

sem rumo

no rumo

certeiro

do sim.

Me dá um beijo

agora

sem hora

não demora

a terminar.

Pois outrora

será que agora

a quantas horas

que ainda faltam

para esse  sonho

me acordar?

….

Nada será como antes

No meu mundo que nunca vai parar.

*Leli

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Candé
    set 28, 2010 @ 02:02:36

    Eu ainda vou sacar a sua…😛

    Responder

  2. nadacomoantes
    set 28, 2010 @ 09:21:25

    haahaha como assim?!😀

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: